Sarau, periferia, leitura

Peço licença e posto aqui a entrevista do Poeta Sergio Vaz da Cooperifa, tomei conhecimento dela através do programa Manos e Minas e hoje o sigo no twitter, espero em breve conhecê-lo pessoalmente e os projetos. A entrevista vai de encontro com o penso sobre poesia, sobre periferia e sobre leitura de mundo. Muito boas as reflexões sobre a contraposição ao centro com a descentralização do acesso ao cinema, à leitura, a poesia. Reflexões sobre o papel do artista que deve ser um militante da causa humana, são muito boas. Vale a pena começar o ano refletindo questões tão relevantes pra luta de classes e pra educação.

Postagens mais visitadas